• Acessibilidade:

Emílio Vieira das Neves

Emílio Vieira é escritor. Sucedeu o acadêmico Leolídio Di Ramos Caiado.


Data de nascimento: 05/08/1944

Data de posse: 12/03/2009

Cadeira Nº 27

Posição: 2° ocupante

Emílio Vieira nasceu em Posse a 5 de agosto de 1944, na antiga fazenda Cantinho, propriedade de seus pais, Francisco Vieira das Neves (Chico Bandeira) e Emília Francisca Neves (dona Zelinha). Criado e educado por sua tia e mãe adotiva, professora Carolina Maria dos Santos (dona Mocinha).

Vive e trabalha em Goiânia. Advogado e professor titular da Universidade Federal de Goiás. Tem graduação e pós-graduação nas áreas de Direito, Letras e Artes. Especialista em História da Arte, Língua e Cultura Italiana, pela Università Italiana per Stranieri di Perugia. Mestre em Teoria da Literatura pela Universidade Federal de Goiás. Membro da Academia Goiana de Letras, Associação Goiana de Imprensa, União Brasileira de Escritores – Seção de Goiás, Comissão Estadual de Folclore e União Brasileira de Professores de Italiano, além de outras associações de classe.

Obras Publicadas

  1. Ponto Lua (poemas). Goiânia: Departamento Estadual de Cultura, 1966.
  2. Intersecção Goiás-Bahia (estudos sociológicos). Goiânia: Departamento Estadual de Cultura, 1971. (2ª edição Kelps, Goiânia, 2015).
  3. Na roda do berimbau (estudos folclóricos). Goiânia: Editora Oriente, 1973.
  4. Paráfrase do tempo (poemas). Goiânia: Gráfica e Editora Líder, 1987.
  5. Posse, história e poesia. Goiânia: Nova Editora e Prefeitura Municipal de Posse, 1988.
  6. Direito em debate. Goiânia: CEGRAF / Universidade Federal de Goiás, 1996.
  7. O expressionismo em Bernardo Élis e Siron Franco (crítica de arte). Goiânia: Ed. da UFG, 2000.
  8. Poemas da revisitação. Goiânia: Edições consorciadas UBE/GO e Editora Kelps, 2000.
  9. O processo de Satanás – um rábula diabólico em Posse. Goiânia: Editora Kelps, 2002.
  10. Possepoesia (poemas). Goiânia: Editora Kelps, 2003.
  11. A saga da Posse & álbum das famílias. Goiânia: Cegraf/UFG, 2005.
  12. Dossiê de uma professora & retrato poético de Dona Mocinha. Goiânia: Kelps, 2009.
  13. Eurupção lírica (poemas). Goiânia: edição consorciada, Secretaria de Cultura da Prefeitura de Goiânia e editoras Kelps/PUC/GO, 2009.
  14. Leitura múltipla de autores goianos. Edição consorciada Secretaria de Cultura da Prefeitura de Goiânia e editoras Kelps/PUC/GO, 2010.
  15. Leitura crítica de artistas goianos. Edição consorciada Secretaria de Cultura da Prefeitura de Goiânia e editoras Kelps/PUC/GO, 2011.
  16. Os poderes da Posse. Goiânia: Kelps, 2011.
  17. Italia Mater (memória cultural de um etrusco reencarnado em Goiás). Goiânia: Kelps, 2012.
  18. Lendo Kardec e poetizando. Goiânia: Kelps, 2014
  19. A criança índigo e suas revelações. Goiânia: edição consorciada Kelps/DM, 2016.

 

EM COLABORAÇÃO

  1. Poemas do GEN (antologia). Goiânia: Livraria Brasil Central Editora, 1966.
  2. Arte hoje / o processo em Goiás visto por dentro (org. PX Silveira). Rio: Marco Zero, dezembro/1985.
  3. América desenhada / Iza Costa (org. PX Silveira). Goiânia, setembro/1989.
  4. Poemas do GEN30 anos (depoimentos e antologia) org. Heleno Godoy, Miguel Jorge, Reinaldo Barbalho. Goiânia: Ed. Kelps, 1994.
  5. Prática processual penal, João Carvalho de Matos (revisão de texto, síntese em versos e apresentação). São Paulo: Editora de Direito, 1998.

 

 

Indisponível.

  • Compartilhe: